Filho mais velho ameaça matar a mãe que acorrentou rapaz por falta de tratamento

Ele foi preso em flagrante e um irmão teria defendido a mãe

Na tarde de quarta-feira (29), rapaz de 29 anos foi preso em flagrante após ameaçar a mãe, de 48 anos, de morte. Ele é irmão do jovem de 23 anos, que foi notícia na última semana após a polícia descobrir que ele foi acorrentado na cama pela mãe, em um ato de desespero pelo filho esquizofrênico e usuário de drogas que não recebia tratamento.

Segundo os detalhes do boletim de ocorrência, em depoimento a mulher de 48 anos e um dos filhos, de 19 anos, contaram que o rapaz foi até a casa da vítima e ameaçou. Ele teria ido ao local para pedir dinheiro e se irritou ao ter resposta negativa, quando pegou uma faca.

Então, ele teria colocado a faca no pescoço da mãe, a ameaçando de morte. Assim o jovem de 19 anos conseguiu segurar o irmão mais velho pelo pescoço, o levou para fora da casa e evitou que a mãe fosse ferida. O rapaz foi embora, mas retornou no fim da tarde, quando a foi acionada e ele acabou preso.

Já no depoimento do rapaz, ele contou que foi até a casa para buscar o irmão de 23 anos. Ele disse que ficou sabendo que o irmão tinha sido acorrentado pela mãe e queria buscar para que fosse morar com ele, mas o padrasto não teria deixado. Então, ele foi até um bar e lá teria discutido novamente com o padrasto, inclusive sacando a faca.

em flagrante, o rapaz foi autuado pelos crimes de ameaça e lesão corporal, qualificados por ência doméstica. Ele foi encaminhado para a 1ª (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher).

Relembre o caso

No último dia 23, chegou ao conhecimento da polícia que o rapaz de 23 anos era mantido acorrentado na cama. Foi a mãe, que em desespero acabou cometendo o ato, por não ter condições de internar o filho em uma clínica de reabilitação.

No dia, o caso foi denunciado como cárcere privado e a família chegou a ser conduzida para a 3ª Delegacia, onde prestou esclarecimentos. Assim, a mãe revelou que o filho é esquizofrênico e ainda usuário de drogas desde os 17 anos.

Filho mais velho ameaça matar a mãe que acorrentou rapaz por falta de tratamento
Mais notícias