Fazendeiro é multado em R$ 38 mil por dematamento e exploração ilegal de madeira

Um fazendeiro foi multado em R$ 38 mil por por desmatamento ilegal em área protegida e exploração ilegal de 16 m³ de madeira em uma propriedade rural em Coxim, cidade a 253 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com a ( Ambiental), era feita fiscalização na fazenda, onde foi localizado o desmatamento ilegal em área protegida de reserva legal e também de área fora de proteção especial no município.

Os policiais constataram o desmatamento de 2,12 hectares de vegetação de cerrado dentro de área protegida de reserva legal da fazenda, que se juntava à uma área de 22,47 hectares fora de área de proteção especial foi descoberto por imagem de satélites e no local seria plantado pastagem.

Ainda de acordo com a polícia, o desmatamento era recente e o proprietário ainda fazia a exploração da madeira proveniente da vegetação derrubada, sendo apreendidos no local 16 m³ de madeira, beneficiada em 926 estacas para cerca.

Segundo a , foi utilizado para caracterização da área desmatada e aparelho de GPS para localização e aferição. O proprietário da fazenda, de 61 anos, residente em Coxim, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 38 mil, multa agravada pela área ser protegida por lei. Ele também responderá por crime ambiental notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada junto ao órgão ambiental estadual.

Fazendeiro é multado em R$ 38 mil por dematamento e exploração ilegal de madeira
Mais notícias