Ex-funcionário que roubou R$ 30 mil de empresa e ameaçou o dono de morte foi preso

Outros dois comparsas também foram detidos

Ainda na segunda-feira (28), foi preso Edilson Rodrigues dos Anjos, 31 anos, ex-funcionário acusado de assaltar uma empresa em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande. O roubo aconteceu por volta das 7h30 e ele foi detido já durante a tarde, em Jaraguari. Um comparsa, de 22 anos, foi preso nesta terça-feira (29), em uma propriedade rural.

Segundo os detalhes repassados pela polícia, equipes da Polícia Militar foram até o posto Carretão, na , por volta das 12h30, em apoio à (Polícia Rodoviária Federal). Assim, localizaram a Sandero prata, placas de Minas Gerais, usada pelos criminosos. O veículo havia sido abandonado pelos bandidos.

Já em buscas em uma região de mata foi encontrada uma bolsa preta e uma pochete, com 22 munições calibre 9mm, 2 carregadores Glock , 50 cartuchos calibre 12 CBC e mais 7 cartuchos calibre 12 Royal Buck. Ainda foram encontrados os R$ 13.109,15 e U$ 400, além de 930.000 guaranis.

Em seguida, em uma borracharia nos fundos do posto foi localizado Edilson em um cômodo, com uma jovem de 18 anos. Os dois acabaram presos em flagrante. Já na manhã desta terça-feira, equipe da Polícia Militar recebeu denúncia anônima de que um suspeito estava em uma propriedade rural.

Então, foram feitas busca e o rapaz de 22 anos foi localizado. Ainda foi confirmado que ele teria fugido do cerco policial no dia anterior e acabou entregue na delegacia. Na fuga ele sofreu vários ferimentos no corpo e rosto, por conta das cercas de arame farpado.

O caso é investigado como roubo majorado pelo concurso de pessoas e emprego de arma, além da posse e porte ilegal de arma. Os bandidos também devem responder pela associação criminosa.

Ex-funcionário que roubou R$ 30 mil de empresa e ameaçou o dono de morte foi preso
Mais notícias