Em ação contra furto de máquinas, polícia apreende 4 caminhões de oficina

Homem de 41 anos pode responder por receptação

Durante a Operação Amigos do Campo, deflagrada na manhã desta segunda-feira (17), em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, o DOF (Departamento de Operações de Fronteira) apreendeu quatro caminhões de uma oficina que estavam com sinais identificadores adulterados. Um homem de 41 anos, responsável pelos veículos, pode responder por receptação, pois não é descartada suspeita de roubo ou furto.

Segundo nota, durante cumprimento dos mandados, os policiais acharam os veículos na oficina localizada na reserva indígena. A ação foi coordenada pelo SIG (Setor de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia da Polícia Civil de Dourados e, além do DOF, teve apoio da Força Nacional de Segurança Pública. Na ocasião, foi constatado que os veículos tinham numeração do chassi e motor adulteradas, motivo pelo qual foram recolhidos.

Conforme já noticiado, o objetivo da operação foi desmontar esquema de furtos de caminhões,  maquinários agrícolas e agrotóxicos. De acordo com o delegado responsável pelo SIG de Dourados, Rodolfo Daltro, nos últimos seis meses foram identificados vários furtos contra caminhões, máquinas agrícolas, propriedades rurais, implementos e agrotóxicos foram praticados em Dourados e municípios vizinhos.

Segundo ele, as investigações apontaram para uma empresa na Aldeia Jaguapiru, em Dourados. Durante as primeiras horas desta segunda-feira também foram cumpridos mandados de busca e apreensão em uma casa, uma oficina e uma cascalheira. Na Aldeia Jaguapiru foram apreendidos agrotóxicos sem procedência definida e armazenados de modo irregular.

Mais notícias