Depois de bebedeira, marido tenta estuprar mulher que dormia

Vítima disse que é agredida há 23 anos pelo marido com quem é casada há 30 anos

A polícia da cidade de Bandeirantes a 68 quilômetros de Campo Grande, foi chamada na noite desta terça-feira (29) depois de um homem de 57 anos agredir a sua esposa de 50 anos, após uma bebedeira. Relatos dele são de que também teria sido agredido por ela.

A polícia foi chamada por volta das 19 horas desta terça (29) depois de uma briga do casal, que terminou em agressões mútuas. A mulher contou aos militares que é agredida pelo marido há pelo menos 23 anos, logo após o casamento dos dois. Ela contou que na segunda-feira (28), após o companheiro ingerir bebidas alcoólicas e agredi-la teria ido dormir.

Sendo que acordou de madrugada com o homem em cima dela tentando manter relações sexuais. No mesmo dia, ela ainda disse que o homem passou a ofendê-la dizendo que ela mantinha relações sexuais com os peões da fazenda. Já nesta terça (29), os dois estavam bebendo cerveja quando começaram a se agredir mutuamente.

O homem contou que foi ofendido pela esposa, que disse a ele “você é brocha não faz mais nada”, que os dois entraram em luta e que ela havia ameaçado ele de morte. O caso foi registrado como lesão corporal recíprocas.

Depois de bebedeira, marido tenta estuprar mulher que dormia
Mais notícias