Decreto ‘fecha’ Bonito para turistas e PM fiscaliza entrada de veículos

Vigilância Sanitária e Guarda Municipal também participam da ação

Com base em decreto publicado nesta terça-feira (24), pela prefeitura de Bonito, principal destino turístico de Mato Grosso do Sul, a 300 quilômetros de Campo Grande, a Polícia Militar deu início à fiscalização que proíbe, por tempo indeterminado, a entrada de vans, ônibus e carros com quem não seja morador no município.

A medida tem como objetivo suspender a entrada de turistas e minimizar os riscos de contaminação do coronavírus (Covid-19). Desta forma, a PM faz barreira nas duas principais rodovias de acesso à cidade, com blitz para checagem de passageiros. Órgãos municipais como Vigilância Sanitária e Guarda Municipal também participam da ação. 

Além de ‘fechar’ a cidade, o decreto também proíbe o funcionamento de todos atrativos turísticos, hotéis, pousadas, bares e lanchonetes, lojas, casas de shows e demais estabelecimentos que não ofereçam serviços essenciais. Também foi imposto toque de recolher aos cidadãos das 20 horas às 06 horas.

 As penalidades para aqueles que não cumprirem o decreto vão desde multa, cassação de alvarás, apreensão de veículos até a uma condução coercitiva à delegacia.D

Mais notícias