Criança baleada em atentado na fronteira passa por cirurgia no HU de Dourados

Polícia encontrou um veículo abandonado com R$ 45 mil, nas proximidades do atentado

Continua grave o estado da menina de 6 anos ferida durante uma nesta sexta-feira (20), enquanto brincava. Ao contrário do que a Polícia Nacional havia informado, ela  foi atingida por um tiro entre a cabeça e o pescoço e teve que ser entubada ainda no Hospital Regional de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul.

Segundo informações até agora apuradas, em seguida ela teve que ser transferida em vaga zero para o HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados), onde teria que passar por uma cirurgia na ala pediátrica.

A menina foi baleada durante o atentado que matou durante a execução de Fredy Enchague Bordon no cruzamento da Avenida Fernando de La Mora com a Rua Elizia Alica Lynch, entre os bairros Obrero e San Gerardo em Pedro Juan Caballero. A vítima chegou a ser socorrida em um hospital particular da cidade, mas não resistiu.

Segundo vídeos que circulam nas redes sociais, duas caminhonetes suspeitas são vistas deixando o local após os disparos. Ainda não há informações sobre as circunstâncias da execução e o caso é investigado.

O Ministério Público do Paraguai negou que houvesse dólares no veículo da vítima. Entretanto, em uma das caminhonetes abandonada no local foram encontrados cerca de R$ 45 mil em SUV de cor preta, que foi abandonada nas proximidades do local onde aconteceu o atentado.

 

Criança baleada em atentado na fronteira passa por cirurgia no HU de Dourados
Mais notícias