Cinco participaram de sequestro de professor para roubar caminhonete em MS

Polícia Civil continua com investigações para localizar criminosos

Cinco pessoas estão envolvidas no de um professor em Chapadão do Sul, a 407 quilômetros de Campo Grande. Ricardo Gava teve a roubada por bandidos e foi mantido em cárcere privado na última quarta-feira (03). Ele conseguiu escapar e procurou ajuda em uma rodovia, sendo resgatado e levado para a delegacia de Polícia Civil, que já teria identificado cinco suspeitos. Dois já foram presos.

Ricardo já foi ouvido pela polícia, que prossegue com as investigações. A Toyota Hillux roubada já foi recuperada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal), sendo conduzida por Danilo Nogueira, 28 anos, em Água Clara.

No depoimento, Ricardo contou que todos os suspeitos estavam encapuzados e pediam para que o professor ficasse calmo, dizendo que não fariam mal a ele e que precisavam apenas da para fazer um trabalho. O professor foi levado para uma mata que fica cerca cerca de 50 km da cidade de Chapadão do Sul, em uma região conhecida como “Matinha”, em Paraíso das Águas.

Ele foi mantido em um cativeiro, sendo vigiado por outro homem armado com um revólver. Durante o tempo em que ele esteve sob o poder desta pessoa, recebeu comida, água e um cobertor.

Segundo o professor, ele acredita que por volta das 2 horas da madrugada, o bandido se afastou. Passado um tempo, Ricardo começou a caminhar e conseguiu chegar às margens da rodovia, no inicio desta manhã, onde pediu ajuda, mas muitos não pararam.

Com medo ele ficou escondido nas margens da BR-060, até por volta das 7 horas, quando tirou a camisa e foi para a rodovia. Um morador de Chapadão do Sul, que havia visto a foto dele, reconheceu e parou. A vítima foi levada até o quartel da Polícia Militar e posteriormente a delegacia de policia. Ele estava bem fisicamente, porém assustado.

Ricardo Gava é professor da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) campus Chapadão do Sul, engenheiro agrícola, especialista em hidráulica. Dezenas de amigos e alunos, foram até a porta da delegacia para acompanhar o caso.

Caminhonete recuperada

Os policiais rodoviários federais fiscalizavam no km-141 da BR-262, quando foi dada ordem de parada a uma I/Toyota Hilux Cd, placas de Chapadão do Sul. O motorista não respeitou a ordem e iniciou fuga.

Foi realizado acompanhamento tático até o momento em que suspeito parou a , sendo abordado pelos policiais. Quando questionado sobre a propriedade do veículo, o homem de 28 anos afirmou ter pego a em Chapadão do Sul, de uma pessoa desconhecida. Disse ainda que levaria o automóvel até Dourados, onde entregaria a uma outra pessoa e receberia a quantia de R$ 3 mil.

No celular dele, foram encontradas imagens do suspeito dirigindo a 190 km/h, enquanto levava a ao seu destino. Enquanto isso, os comparsas ligavam para ele incessantemente. Os policiais acharam o cativeiro e ainda identificaram mais cinco envolvidos no . Até o momento, dois foram presos.

Cinco participaram de sequestro de professor para roubar caminhonete em MS
Mais notícias