Polícia

Cheiro de chulé: Polícia encontra cocaína sobre a geladeira e até dentro de tênis

Moradores do Jardim Maringá, em Dourados, denunciaram o funcionamento de uma boca de fumo na Rua Adroaldo Pizzini. No local o dono da casa negou a existência do ponto de venda de droga e ainda, educadamente, convidou a polícia para entrar na residência. Dentro da casa os policiais identificaram dois invólucros de fita adesiva, sendo […]

Marcos Morandi Publicado em 28/04/2020, às 12h18

O morador foi preso encaminhado para a Depac. (Foto: Cido Costa)
O morador foi preso encaminhado para a Depac. (Foto: Cido Costa) - O morador foi preso encaminhado para a Depac. (Foto: Cido Costa)

Moradores do Jardim Maringá, em Dourados, denunciaram o funcionamento de uma boca de fumo na Rua Adroaldo Pizzini. No local o dono da casa negou a existência do ponto de venda de droga e ainda, educadamente, convidou a polícia para entrar na residência.

Dentro da casa os policiais identificaram dois invólucros de fita adesiva, sendo constatado tratar-se de substância análoga a pasta base de cocaína, um pesando 241 gramas e outo 97. Em seguida o morador acabou mostrando outras porções dentro de um tênis, que já estavam embaladas para revenda.

Durante a busca também foram localizados fragmentos de plásticos cortados para confeccionar trouxinhas de drogas para venda, fita adesiva, uma balança de precisão, um pote contendo aproximadamente 50 gramas de substância orgânica análoga a maconha, além de R$ 192 em notas trocadas, e uma bicicleta sem origem comprovada, com pintura recente e amadora, sendo diferente da original.

Questionado sobre os entorpecentes encontrados, o morador respondeu que um desconhecido teria deixado momentos antes, porém não soube explicar a origem dos plásticos cortados, nem mesmo o motivo de possuir uma balança de precisão. O homem foi encaminhado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

Jornal Midiamax