Casal é preso ao ser flagrado praticando ‘tiro ao alvo’ no quintal de casa

Homem tem várias passagens e já foi condenado por homicídio

Um homem de 27 anos e a esposa da mesma idade foram presos em flagrante nesta quarta-feira (22), após serem flagrados praticando tiro ao alvo no quintal de casa, sem puder e em qualquer horário. O caso foi registrado na cidade de Coxim, a 253 quilômetros de Campo Grande. O homem já tem passagem pela polícia.

Nesta manhã, quando a chegou ao endereço, uma criança, filho do casal, atendeu a porta. Ao avistar os policiais correu para os fundos e avisou os pais. Quando os investigadores chegaram no quintal, a mulher já tentava esconder o revólver, mas a polícia foi mais ágil. Com a prisão dos pais, o menino ficou aos cuidados da avó.

De acordo com o Edição , a arma usada pelo casal, uma pistola de calibre 22 e munições foram apreendidas. Segundo a polícia, para a prática de tiro eles usavam uma lata como alvo. Na casa a polícia também encontrou maconha embalada para a venda e utensílios utilizados para manuseio de drogas, como balança de precisão.

Eles vão responder por porte de arma, tráfico de drogas e associação para o tráfico. O homem deve ser encaminhado para o Estabelecimento Penal Masculino de Coxim, já a esposa para o feminino, em São Gabriel do Oeste.

Passagens

O homem tem várias passagens pela polícia, inclusive foi condenado pela participação na morte de Ozéias Teixeira Vicente, que na época tinha 17 anos. O crime aconteceu em janeiro de 2016, no Jardim dos Pequis. A investigação provou que foi ele quem deu carona para Wellington André Rodrigues dos , 25 anos, que tirou a vida do adolescente.

Eles foram condenados a 10 anos de prisão, mas recorreram em liberdade.

Casal é preso ao ser flagrado praticando 'tiro ao alvo' no quintal de casa
Mais notícias