Capotamento de Hilux destruiu raio-x que seguia para a UPA Universitário

Sesau afirma que estuda meios para substituir equipamento danificado

O capotamento de uma caminhonete Hilux ocorrido na manhã desta sexta-feira (10), na Vila Bandeirantes, em Campo Grande, resultou na destruição de um aparelho de raio-x da Sesau (Secretaria Municipal de ). O equipamento era transportado na carroceria do veículo e iria substituir o raio-x da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Universitário, que está com defeito.

Conforme noticiado, na Hilux estavam um técnico de eletrônica, de 48 anos, e o irmão dele. Os dois transitavam pela Rua Argemiro Fialho, quando no cruzamento com a Rua Alexandre Fleming, houve com uma picape Montana, que atingiu a lateral traseira, fazendo com que a Hilux capotasse.

Com o impacto, o aparelho acabou se despedaçando. O técnico teve corte na mão e o motorista da Montana foi socorrido pelo reclamando de dores pelo corpo. No entanto, nenhum deles se feriu com gravidade. Em nota, a Sesau disse que busca outros meios para substituir o equipamento.

“O aparelho destruído no acidente iria substituir outro que está com defeito, retornando a realização de exames de raio-x na . Com o acidente, a Sesau estuda outra forma para realizar essa substituição com o intuito de afetar da menor forma possível a população”, disse a secretaria.

Capotamento de Hilux destruiu raio-x que seguia para a UPA Universitário
Mais notícias