Camionete de pecuarista sequestrado é encontrada abandonada em estrada

Dois bandidos foram presos depois da vítima ser libertada do cativeiro

A camionete Hilux do pecuarista de 40 anos, que foi sequestrado nesta quinta-feira (2), na cidade de Paranaíba a 407 quilômetros de Campo Grande, quando teria ido avaliar um rebanho foi encontrada abandonada em uma estrada vicinal, durante a madrugada desta sexta-feira (3).

Populares encontraram a camionete abandonada em uma estrada vicinal, que dá acesso ao aterro sanitário da região e acionaram a polícia, que foi até o local e encontrou o carro com as chaves na ignição. Nenhum outro bandido foi preso pelo sequestro do pecuarista.

Gabriel Garcia de Andrade de 20 anos, e Oseias Brandão Pereira de 23 anos foram presos pelo crime, enquanto mantinham a vítima em cativeiro. O pecuarista foi agredido e sofreu ameaças durante o sequestro. Quando foi libertado foi levado para uma unidade de saúde, devido a um corte na cabeça que sofreu por causa das agressões dos bandidos.

O crime aconteceu, quando o pecuarista teria recebido uma ligação da venda de um rebanho. Ele foi avaliar o gado e acabou sendo sequestrado. Os bandidos obrigaram o pecuarista a entrar em contato com o pai, que também é produtor rural em Costa Rica, e pedir que fizesse uma transferência bancária no valor de R$ 200 mil. Mas, o pai desconfiou da situação depois que o filho desligou e logo em seguida retornou o telefonema, reduzindo o valor para R$ 20 mil.

Sem conseguir outro contato e com receio de que pudesse ser um golpe, o pai da vítima procurou a Polícia Civil de Costa Rica, que com o apoio da Delegacia de Paranaíba iniciou as investigações. Horas mais tarde, a equipe localizou o cativeiro e libertou a vítima.

Mais notícias