Caminhoneiro preso com 3,9 ton de maconha tinha arma, munições de fuzil e R$ 10 mil

Ele foi detido na BR-163

Na manhã de segunda-feira (3), foi preso caminhoneiro de 40 anos na região do anel viário de Campo Grande, na , com 3,9 toneladas de maconha. Além da droga, ele também levava arma de fogo, munições e dinheiro no veículo.

Conforme o BPMRv (Batalhão da Rodoviária), equipe abordou o Mercedes-Benz na frente de um posto, quando o motorista demonstrou nervosismo. Assim, em verificação foram localizados os fardos de maconha, que totalizaram 3,9 toneladas da droga.

Caminhoneiro preso com 3,9 ton de maconha tinha arma, munições de fuzil e R$ 10 mil
Policial mostra algumas das munições apreendidas. Foto: Divulgação

Além disso, durante a pesagem os policiais encontraram em meio ao entorpecente munições de fuzil 5.56 e 7.62, totalizando mais de 500 munições. Também foi encontrada uma pistola Glock e pouco mais de R$ 10 mil.

Já preso, o caminhoneiro confessou que levaria o entorpecente até o (RJ).

Caso semelhante

Também na segunda-feira, já no período da tarde, irmãos foram presos em um caminhão com 3,1 toneladas de maconha. A prisão dos homens de 38 e 43 anos foi feita por policiais do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Bancos, Assaltos e Sequestros).

Além disso, durante a verificação da carga, também foram encontradas uma pistola Glock, um revólver calibre 38 e munições. Além do caminhão onde estava a maior parte da droga, também foram apreendidas camionetes e o entorpecente seguiria para os grandes centros do país.

Caminhoneiro preso com 3,9 ton de maconha tinha arma, munições de fuzil e R$ 10 mil
Mais notícias