Assassinado em frente a esposa tinha passagens por tráfico e polícia busca por atirador

Esposa de Cristhian ainda deve ser ouvida na delegacia

A Polícia Civil de Sidrolândia, a 70 quilômetros de Campo Grande ainda procura pelo atirador que matou com cinco disparos Cristhian da Silva Cratiu de 28 anos, na noite desta quinta-feira (28). Ele tinha várias passagens, segundo o delegado que está à frente do caso Diego Dantas.

De acordo com o delegado, Cristhian tinha passagens por tráfico, roubo e uma denúncia por estupro. A esposa da vítima ainda deve ser ouvida e segundo Dantas, a polícia não pode divulgar mais detalhes para não atrapalhar as investigações.

O assassinato aconteceu por volta das 19 horas desta quinta (28), quando Cristhian estava em um campinho de futebol sendo que o autor que estava em uma motocicleta desceu e fez cinco disparos nas costas da vítima, que foi assassinada em frente a esposa.

Em seguida, o autor fugiu. Testemunhas afirmaram que o atirador seria alto e magro.

Assassinado em frente a esposa tinha passagens por tráfico e polícia busca por atirador
Mais notícias