Após 48h sem notícias, filha e genro encontram corpo de homem em decomposição sobre a cama

Segundo a mulher, ele tinha problemas de saúde e havia brigado com a esposa

O corpo de um homem de 59 anos foi encontrado sobre a cama pelo genro e filha na tarde deste domingo (2) em Três Lagoas, distante 330km da Capital. A família estava sem notícias dele há dois dias. Ao lado da cama foi encontrada grande quantidade de remédio e a filha confessou que ele havia brigado com a esposa.

Ao visitar a casa da sogra o rapaz, de 27 anos, sentiu falta do sogro e foi informado de que ele estava “sumido” desde a última sexta-feira (31). Ele e a esposa, de 24, foram, então, até a casa do homem e telefonaram para o celular dele. O aparelho tocou no quarto e, como a porta estava trancada, o casal forçou a janela, avistando o idoso sobre a cama.

Devido ao forte cheiro, ele percebeu que o sogro já estava morto e acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que constatou o óbito e orientou o casal a acionar a funerária. Como o corpo estava em avançado estado de decomposição, eles foram aconselhados a acionar a .

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima apresentava problemas no coração e era diabética. Entretanto, ao lado da cama foi encontrada grande quantidade de remédios. Familiares afirmaram que o idoso estava brigado com a esposa, e por isso morava sozinho na casa. A última visualização no WhatsApp, segundo a filha, foi na noite de sexta-feira, por volta das 20h40.

O corpo foi conduzido ao IML (Instituto Médico Legal) de Três Lagoas, seguindo orientações do delegado presente no local, devido ao estado de decomposição do corpo. O caso é investigado como morte a esclarecer, foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Três Lagoas e será encaminhado ao 2º Distrito Policial da cidade.

Após 48h sem notícias, filha e genro encontram corpo de homem em decomposição sobre a cama
Mais notícias