Aferição de temperatura passa a ser obrigatório nos presídios de MS

Agepen recebeu doação de 80 termômetros digitais que possibilita ação para evitar a disseminação do novo coronavírus

A (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) tornou obrigatório a aferição de temperatura em todos os presídios de Mato Grosso do Sul. Nesta semana, a agência recebeu a doação de 80 termômetros digitais da (Departamento Penitenciário Nacional) para ajudar na luta contra a disseminação do novo coronavírus.

A regra deverá ser exercida nas unidades prisionais e todas as pessoas que quiserem entrar nas unidades, inclusive servidores e autoridades, deverão passar pela aferição da temperatura. A ação é realizada pelas equipes de saúde e tenta identifica pessoas sintomáticas, evitando a transmissão do covid-19 nos presídios.

Anteriormente, apenas 29 termômetros estavam sob posse das unidades penais. Com o incremento vindo da , a passa a ter 109 termômetros digitais, possibilitando a aferição obrigatória nos presídios.

A (Secretaria de Estado de ) doou recentemente mais de 5.200 máscaras, do modelo aviador, para a agência penitenciária. As peças contribuirão na atuação preventiva de policiais penais e profissionais de saúde que atuam dentro dos presídios, por meio de convênio com a secretaria Estadual e municipais da área.

Aferição de temperatura passa a ser obrigatório nos presídios de MS
Mais notícias