Publicidade

Um dos mortos em confronto com a polícia durante operação tinha munições escondidas em casa

Foram cumpridos 14 mandados em Maracaju

Cícero José Campos de 40 anos é um dos mortos em confronto com a polícia durante a segunda fase da Operação Petra, em Maracaju – a 160 quilômetros de Campo Grande. 14 mandados foram cumpridos na cidade.

A operação foi deflagrada com o objetivo de combater o crime organizado. 14 mandados de busca e apreensão e prisão foram cumpridos na cidade. Cícero estava escondido em uma edícula quando a polícia chegou ao local.

Ele teria feito três disparos contra os policiais que revidaram. Cícero foi ferido e chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Na casa, os militares encontraram munições e um coldre.

Em fevereiro, foi deflagrada a primeira fase da operação. Romário de Souza Silva, 25 anos, conhecido como ‘Terrorista’, tinha mandado de prisão em aberto por homicídio que havia cometido há aproximadamente 30 dias. Ele morreu em confronto com a polícia.

Foram cumpridos na primeira fase 17 mandados de busca e apreensão e prisão.

 

Mais notícias