Trio que assaltava farmácias em Campo Grande estourava dinheiro em festanças

Pelo menos sete farmácias na cidade foram alvo dos ladrões

A Derf (Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos) prendeu nesta quinta-feira 918), um trio suspeito de pelo menos sete roubos a farmácias na Capital. O dinheiro arrecadado nos assaltos era usado em festas e compras de bebidas alcoólicas.

Foram presos Luis Fernando Ferreira Santos de 22 anos, Jhonny Clayton Gomes Miguel de 20 anos, e Leonardo Pereira da Silva de 20 anos. Leonardo era o piloto de fuga dos assaltos e também o ‘cabeça’, que procurava comparsas para cometer os roubos.

As farmácias roubadas foram nos bairros, Morumbi (por duas vezes), Vilas Boas, na rua Bom Pastor, e no Pioneiros. Em um dos assaltos na Vila Morumbi, Jhonny teria sido violento e agredido com coronhadas uma das vítimas, que estava no local.

Segundo o delegado Brandalise, Leonardo cobrava 50% do dinheiro roubado, que era usado em festas e na compra de bebidas alcoólicas.

Mais notícias