Três são levados para delegacia durante Operação Marias contra agressores de mulheres em MS

32 mandados são cumpridos em Campo Grande

Três homens já foram levados para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) na manhã desta quarta-feira (27) durante a deflagração da Operação Marias, contra a violência contra a mulher. A operação é de nível nacional.

Um dos agressores levados tem 32 anos e foi preso no Jardim Monumento, o outro tem 48 anos e foi detido no Parque Iguatemi, já o terceiro tem 34 anos foi preso no bairro Nashville. A operação, que conta com policiais da Denar (Delegacia Especializada de Combate ao Narcotráfico), e Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos) e Deam, deve se prolongar até o fim da tarde desta quarta (27), quando devem ser cumpridos os 32 mandados na Capital.

Segundo a delegada Fernanda Félix da Deam, de janeiro até outubro em todo o Estado foram registrados 15.280 boletins de ocorrência de violência doméstica, sendo 7.331 só em Campo Grande. A maioria dos registros é de ameaça, segundo a delegada, “Isso mostra que a mulher não está mais esperando ser agredida fisicamente para denunciar o agressor”, falou.

A ação é contra violência doméstica e feminicidio. O nome da operação “Marias” faz referência à Maria da Penha Maia Fernandes, vítima de violência doméstica, referencial na luta em defesa dos direitos das mulheres e cujo nome é emprestado à lei “Maria da Penha”, uma ferramenta fundamental no combate à violência doméstica de familiar.

Três são levados para delegacia durante Operação Marias contra agressores de mulheres em MS
Mais notícias