Suposto policial é suspeito de espancar morador e ameaçar com revólver

Coldre da arma ficou na casa da vítima

Um homem de 36 anos procurou a delegacia de polícia na manhã desta segunda-feira (17), depois de ser espancado com socos e ter um revólver apontado para a cabeça, neste domingo (16), por um suposto policial civil.

Segundo relatos da vítima na delegacia, ele mora há dois anos no bairro Almeida Lima, em Campo Grande, e teria conhecido o suposto policial civil também morador da região neste intervalo de tempo, sendo que neste domingo (16), o autor estava em sua casa e teria passado a xingar a mulher da vítima de vagabunda.

Houve uma discussão entre os dois homens, sendo que segundo o morador o policial teria sacado a arma e apontado para sua cabeça, e em seguida o agrediu com socos e chutes causando lesões. O coldre da arma do policial acabou caindo e ficando na casa da vítima. O caso foi registrado como e .

Suposto policial é suspeito de espancar morador e ameaçar com revólver
Mais notícias