Reagente químico denuncia cocaína ‘grudada’ em roupas de mulheres

Peças estavam na bagagem de duas paulistas que seguiam de volta para a casa

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu na noite deste sábado (05), em Miranda, a 203 quilômetros de Campo Grande, 16 quilos de cocaína diluídos em meio a roupas. A droga estava tão imersa nos tecidos, que os policiais não conseguiram separá-la do vestuário. Duas mulheres, de 22 e 35 anos, foram presas em flagrante por tráfico.

Segundo a PRF, durante abordagem a um ônibus que seguia pela BR-262, os policiais desconfiaram do nervosismo apresentado pelas mulheres. Ao verificarem a bagagem dela, notaram certa estranheza nas roupas. As equipes então passaram reagente químico nos tecidos e verificaram o surgimento de coloração azulada, indicando a presença de cocaína.

Diante do exposto, ambas confessaram que viajavam juntas para São Paulo, onde residem. Elas disseram que ficaram no mesmo quarto de hotel na cidade de Corumbá, na fronteira com a Bolívia, e que foram juntas de táxi buscar a bagagem. Pelo transporte, receberiam R$ 1 mil cada. Elas receberam voz de prisão e foram encaminhadas à Polícia Civil.

Mais notícias