Preso com funcional falsa do Exército em MS usou o documento durante 7 anos

Documento falso foi feito por colega que servia quartel

O rapaz de 26 anos preso com uma funcional falsa de 3º sargento do Exército disse que usava os documentos desde 2012, quando serviu no quartel e um amigo ofereceu a falsificação. Ele passa por audiência de custódia nesta terça-feira (13).

Em depoimento, Willyan Colato contou que serviu não Exército em 2012 e lá dentro um colega ofereceu a funcional falsa, e desde então, ele a usa normalmente. No dia de sua prisão, o rapaz estava saindo para um encontro.

A abordagem aconteceu por volta das 23 horas de segunda (12), quando policiais que estavam em ronda na região flagraram o rapaz em alta velocidade em uma Toyota Hilux.

Quando abordado, Willyan Colato disse ser tenente da Polícia Militar, mas depois apresentou um documento se dizendo ser tenente do Exército brasileiro. Mas, os policiais perceberam que a funcional apresentada por ele era falsa.

Ele confessou que um amigo confeccionou o documento, mas não disse quem era a pessoa. Willyan foi levado para a delegacia e autuado por uso de documento falso.

Mais notícias