Publicidade

Suposto sumiço de dinheiro levanta suspeita de latrocínio em morte de comerciante

Vítima era vendedora de espetinhos e foi encontrada morta na manhã deste domingo

O sumiço de certa quantia de dinheiro faz Polícia Civil não descartar que a comerciante Marcelina Robles Cardoso, de 55 anos, vendedora de espetinho, tenha sido vítima de latrocínio. Ela foi encontrada morta na manhã deste domingo (14), em sua residência no município de Rio Brilhante, a 165 quilômetros de Campo Grande.

A residência estava completamente revirada, o que leva a crer que o autor estava em busca de valores. Por outro lado, os policiais também descartam que o dinheiro possa estar perdido no meio da bagunça. O celular da vítima também foi levado e familiares apuram se mais pertencem foram tomados. A outra hipótese é de feminicídio.

Conforme já noticiado pelo Midiamax, a vítima foi morta com golpes possivelmente de faca na região do pescoço. Vizinhos ouviram gritos e chamaram os filhos da vítima, mas, ao entrarem na residência, encontraram Marcelina morta em seu quarto, sem roupa. Ainda não há como afirmar se houve violência sexual.

Informações apontam que a vítima morava sozinha e trabalhava com venda de espetinho e bebidas. De acordo com depoimento da filha, Marcelina vítima foi vista pela última vez às 23h, em frente à casa, trabalhando. A Polícia Civil e a perícia investigam o caso.

Mais notícias