Polícia confirma estupro e envolvimento de 2º suspeito em assassinato de casal

Dois homens foram presos acusados pelo assassinato de pais de menino de 9 anos

A Polícia Civil de Dourados –a 225 quilômetros de Campo Grande, confirmou que Rosilene Rosa Pedro, 33 anos, foi estuprada e depois assassinada por uma dupla presa durante a manhã deste sábado (8). O marido dela, Osvaldo Ferreira, 38 anos, foi morto a facadas. O crime aconteceu na noite de quinta-feira (6), e os corpos foram encontrados na manhã de sexta-feira (7).

Segundo o delegado Rodolfo Daltro, dois homens foram presos na manhã deste sábado (8) depois que lideranças indígenas fizeram uma ‘caçada’ em residências próximas que poderiam ser usadas como esconderijo. Daltro ainda disse que os autores confirmaram que estupraram Rosilene.

Uma coletiva de imprensa foi marcada para a manhã de segunda-feira (10) para explicar o caso. O filho do casal, de 9 anos, ficou em estado de choque ao ver os pais mortos dentro de casa. Ele foi até a escola e contou aos professores o que havia acontecido, e a polícia foi chamada em seguida.

A criança disse que os pais estavam bebendo com o suspeito. Ele, então, foi ao banheiro, que fica cerca de 20 metros da casa, ouviu uma discussão e ficou escondido com medo. Após a discussão cessar, a criança não voltou mais ao local e dormiu em cima de uma árvore próxima ao banheiro.

Quando acordou, constatou que o pai estava morto, foi à escola onde estuda e comunicou os funcionários sobre o crime. Osvaldo foi encontrado próximo a porta da casa, ferido por quatro facadas e também teve lesão na cabeça. Rosilene foi encontrada em um dos quartos e estava com as mãos amarradas com fita e seminua. A mulher foi ferida por cinco facadas.

Mais notícias