PMA infrator em R$ 2 mil por portar motosserras com numeração raspada

Policiais militares ambientais de Aparecida do Taboado foram acionados nesta quinta-feria (19) à noite pela Polícia Civil da cidade, para os procedimentos administrativos (multa ambiental), em virtude da apreensão de duas motosserras com numeração raspada. Segundo os Policiais Civis, o infrator (58) iniciaria o corte de árvores em área protegida de reserva legal de uma fazenda no município, quando foi detido, especialmente, devido a raspagem da identificação das máquinas.

A equipe da PMA verificou que o homem detido não possuía a documentação das duas motosserras (LPU – Licença de Porte e Uso). O infrator, residente em Aparecida do Taboado, foi autuado administrativamente e multado em R$ 2 mil. O uso de motosserra ilegal é crime ambiental, porém, só o transporte ou a posse trata-se somente de infração administrativa. A Polícia Civil investigará a origem das motosserras.

Mais notícias