PMA autua dono de sítio por utilizar e armazenar aroeira ilegalmente

A PMA (Polícia Militar Ambiental) autuou o proprietário de um sítio em Dois Irmãos do Buriti por utilizar e armazenar madeira da espécie aroeira ilegalmente. Policiais de Aquidauana em patrulhamento ambiental terrestre na região do assentamento Santa Amélia constataram neste sábado (21) que o proprietário de um lote armazenava e utilizava madeira ilegal.

Os policiais apreenderam 46 palanques da espécie aroeira (protegida por lei), que estavam sendo utilizadas em cercas e armazenadas na propriedade. O produto florestal armazenado e utilizado não possuía autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal.

O infrator (51) foi autuado administrativamente e multado em R$ 300,00. Ele também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis a um ano de detenção.