PF desmonta esquema internacional de tráfico que tinha até time de futebol

Grupo é suspeito de enviar meia tonelada de cocaína a partir da fronteira

A Polícia Federal realizou nesta quarta-feira (14) a Operação Veteranos, para desarticular esquema de tráfico internacional de drogas que operava a partir de Mato Grosso do Sul, importando cocaína do Paraguai e enviado para outros estados. O nome da ação está relacionado ao time de futebol amador mantido pelo chefe da organização, que tinha como jogadores comparsas do crime organizado.

Segundo nota, as equipes foram às ruas para cumprimento de dois mandados de prisão temporária e cinco de busca e apreensão expedidos pela 1ª Vara da Justiça Federal de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, bem como um mandado de prisão preventiva da Justiça de Birigui (SP).

A ação foi desencadeada a partir da apreensão ocorrida na tarde desta quarta-feira, com apoio da PRF (Polícia Rodoviária Federal), de um carregamento de 265 quilos de cocaína que estavam sendo transportados em um caminhão que deixava Ponta Porã. Imediatamente após a apreensão, foi dado início à fase de cumprimento de mandados, que terminou com a prisão dos chefes da organização na fronteira.

Segundo a PF, a ação do grupo consistia na compra de cocaína em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, e no envio em meio a cargas lícitas, em caminhões, a fim de despistar a fiscalização.  O grupo é suspeito de pelo menos dois envios de drogas realizados em 2019, totalizando cerca de 515 quilos de cocaína.

Mais notícias