Operação ‘Fronteira Segura’ já apreendeu 7 toneladas de drogas

Operação concentra ações nas áreas urbanas e rurais dos municípios

A Operação Fronteira Segura II, desencadeada nesta quinta-feira (22) em Ponta Porã e outras seis cidades de Mato Grosso do Sul, já apreendeu sete toneladas de drogas. A ação é realizada pela Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), por meio do GGIFRON/DIV (Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira e Divisa) e tem o objetivo de intensificar o enfrentamento aos crimes de tráfico de drogas, de armas, recuperação veículos furtados/roubados e contrabando.

Conforme a Sejusp-MS, a operação concentra ações nas áreas urbanas e rurais dos municípios, com fiscalização de trânsito, blitz, barreiras, fiscalização a comércios, além de cumprimento de mandados de busca e apreensão, também de prisão.

Participam das fiscalizações, equipes do Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira, do Exército Brasileiro, Receita Federal, Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional de Segurança, Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar Rodoviária, Departamento de Operações de Fronteira e integrantes das Secretarias Municipais de Segurança Pública.

De acordo com o secretário executivo do GGIFRON/DIV, coronel Edimilson de Oliveira Ribeiro, desde de quarta-feira (21) as ações já foram iniciadas com apoio do setor de inteligência das forças de segurança e a readequação das equipes nos pontos de bloqueios.

Para o secretário de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira, não adianta apenas combater o problema da droga nos morros do Rio de Janeiro e nos grandes centros, se não blindar as fronteiras. “O que estamos fazendo é fechando as nossas fronteiras, uma vez que a principal porta de entrada das drogas e armas no Brasil é pela fronteira com a Bolívia e o Paraguai”, frisou.

Mais notícias