Operação apreendeu 1,5 ton de carne imprópria para consumo e R$ 100 mil

Uma pessoa foi encaminhada para a delegacia

Resultado de operação da Polícia Civil em Corumbá, a 444 quilômetros da Capital, aproximadamente 1,5 tonelada de carne imprópria para consumo foi apreendida e R$ 100 mil em dinheiro e cheques. A ação teve início na madrugada de quarta-feira (26).

Equipes do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros) foram até Corumbá, onde desencadearam a Operação Punch. Na ação de combate a abigeato e crimes contra o consumidor, 1,5 tonelada de carne foi apreendida.

Conforme a Polícia Civil, também foram apreendidos R$ 100 mil em dinheiro e cheques e uma pessoa foi encaminhada para a delegacia para prestar esclarecimentos. Foram visitados açougues e propriedades rurais, onde os policiais cumpriram os mandados de busca e apreensão. O foco da ação é o mercado ilegal de carne, abastecido a partir de gado roubado ou furtado.

A ação foi denominada Punch, que traduzido do inglês significa ‘soco’ ou ‘porrada’. O nome foi dado por conta do codinome de um dos investigados por comércio ilegal de carne em Corumbá. Também participam da operação a Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo), Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), Vigilância Sanitária e Inspeção Municipal.

‘,5 tonelada de carne foi apreendida (Foto: Divulgação/Garras)
Mais notícias