Mulheres são presas tentando entregar drogas para maridos presos

Uma delas deixou cocaína em corredor de acesso e papelote foi encontrado por agente penitenciário

Tentando entregar drogas, maconha e cocaína, para os maridos que estão presos na PED (Penitenciária Estadual de Dourados), duas mulheres foram autuadas em flagrante na manhã de ontem (18).

Apesar de terem sido registrados no mesmo horário, às 10h30, com destino a ocupantes da mesma cela 47, raio 2, os crimes não têm relação, segundo informações do Dourados News.

Em um dos casos, a mulher de 25 anos, que mora no Parque das Nações I, acabou sendo descoberta após passar pela revista pessoal sem que a droga fosse identificada no corpo dela.

Os agentes só descobriram a cocaína quando a mulher precisou ir ao banheiro e teria deixado um pacote com 300 gramas no espaço de acesso ao interior da penitenciária.

A princípio ela negou, mas logo em seguida confessou que levaria a droga ao marido Rafael da Silva Buriguel, de 36 anos. Segundo a suspeita, o esposo iria vender a cocaína na penitenciária, para ajudar nas contas de casa.

No mesmo horário e dia outra mulher, de 50 anos, moradora no Jardim Monte Líbano e esposa de Samuel Santos Bianchi de Almeida, 30 anos, foi impedida de entrar na PED após ser flagrada com 200 gramas de maconha. Ela confessou aos agentes ter sido acionada pelo companheiro para levar a droga até a penitenciária.

Ambas foram conduzidas até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da cidade.

Mais notícias