Mulher é presa por esfaquear ex no pescoço ao se defender de agressões

Ele teria esganado a vítima na frente do filho

No fim de semana, mulher de 32 anos foi presa por tentativa de homicídio após esfaquear o ex-namorado, de 19 anos. O caso aconteceu no sábado (30) em Aparecida do Taboado, que fica a 457 quilômetros de Campo Grande, e há suspeita que o jovem tenha agredido a mulher na frente do filho dela.

Policiais militares foram chamados para irem até a casa onde estava o jovem de 19 anos, que tinha sido esfaqueado no pescoço. No local, moradores contaram que ele tinha sido agredido por uma mulher e correu até a casa para pedir ajuda, onde permaneceu caído na varanda até ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros.

Os militares fizeram buscas e encontraram a mulher de 32 anos, que estava com o filho, uma criança. Ela foi questionada sobre os fatos e se conhecia a autora e perguntou como estava o rapaz e se não corria risco de morte. Os policiais estranharam, já que ainda não tinham falado sobre a vítima com ela.

A mulher acabou entregando que seria a autora do esfaqueamento e contou que o casal está separado, mas naquela noite eles teriam se encontrado para beberem juntos. A mulher voltava para casa quando teria sido seguida pelo ex e agredida na frente do filho. Ela contou que se escondeu, mas foi encontrada pelo rapaz, que a esganou e ainda deu socos e chutes.

Segundo a vítima, ela conseguiu correr para dentro de casa e pegou uma faca, com a qual conseguiu dar um golpe no pescoço do rapaz. Ela foi detida por homicídio simples na forma tentada, mas as circunstâncias do crime seguem em investigação.

Mais notícias