Publicidade

Motorista de empresa de MS atropela e mata criança de 4 anos em SP

Mãe e filha estavam de bicicleta a caminho da escola, quando aconteceu acidente

Maria Fernanda Rodrigues, de 4 anos, morreu após ser atropelada na manhã desta segunda-feira (11) na cidade de Andradina, em São Paulo. O motorista conduzia uma carreta bitrem de uma empresa de Três Lagoas, carregada com 50 toneladas de celulose.

O acidente aconteceu no cruzamento da avenida Rio Grande do Sul com rua Espírito Santo, em um semáforo. A mãe, de 25 anos, e a menina estavam de bicicleta, a caminho da escola.

Conforme as informações do site Mil Notícias, a mulher tentou ultrapassar a carreta pela direita, mas o motorista não viu as duas e a mãe bateu a bicicleta no veículo. A mulher caiu para um lado e a criança caiu sobre os dois últimos eixos traseiros do bitrem.

Um frentista de um posto de gasolina localizado no cruzamento gritou para ele parar, mas não houve tempo. Os pneus traseiros da carreta bateram passaram por cima do tórax da criança. Ela também sofreu fratura exposta do braço direito.

A criança foi socorrida com vida até a Upa (Unidade de Pronto Atendimento), mas não resistiu e morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

Esse era o primeiro dia de serviço do motorista na empresa de Três Lagoas. A carga de celulose tinha como destino o porto de Santos, no litoral paulista. O caso foi registrado como homicídio culposo.

Mais notícias