Motorista bêbado que atropelou criança disse que tomou cervejas e pinga

Ele estava visivelmente embriagado e cheirava a álcool

O motorista de 53 anos, preso em flagrante no fim da manhã de quarta-feira (6) por dirigir embriagado e atropelar uma menina de 11 anos, disse em depoimento que tinha tomado duas cervejas e duas doses de pinga. A criança foi atropelada no cruzamento das ruas Acuri e Piraputanga, no Jardim Noroeste.

No depoimento, o motorista disse que tomou as duas doses de pinga e duas latas de cerveja antes de dirigir. Ele ainda afirmou que freou no cruzamento e ia fazer a conversão, mas o freio não funcionou e ele acabou atropelando a criança. Por fim ele ainda afirmou que não viu de onde a criança surgiu.

O homem passou por audiência de custódia nesta quinta-feira (7), e será liberado provisoriamente mediante fiança de R$ 1 mil, arbitrada pelo juiz. Além de dirigir embriagado, o documento do carro estava atrasado.

O homem conduzia o Monza vermelho pela Rua Acuri e a menina atravessava pela Piraputanga, que é a preferencial. O condutor não teria freado e acabou atropelando a criança, que foi lançada para baixo de um caminhão que estava estacionado.

O motorista ainda tentou tirar o veículo para o lado e colidiu em uma pilha de tijolos de construção que estava na esquina. O homem estava visivelmente embriagado e com forte odor etílico, mal conseguindo ficar em pé. Moradores da região contaram que sempre o veem dirigir em alta velocidade pelo bairro e bêbado. Polícia Militar de Trânsito foi acionada e prendeu o motorista.

Motorista bêbado que atropelou criança disse que tomou cervejas e pinga
Mais notícias