Mãe reconhece rapaz encontrado morto com tiro na cabeça e mãos e pés amarrados

Ela procurou a delegacia para identificar o jovem

Na manhã desta terça-feira (26), a mãe do jovem encontrado morto na segunda-feira (25) em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, procurou a polícia. Ele foi identificado como Júlio Cesar Montiel, de 21 anos, e não há informação até o momento da motivação do crime.

Conforme apurado pelo Midiamax, a mãe do rapaz reconheceu o corpo da vítima no Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) e foi até a delegacia, onde foi registrado que se tratava de Júlio. No dia do crime foi identificado que ele tinha tatuagem no braço com o próprio nome, mas ele não portava documentos.

(Foto: Porã News)

Júlio foi encontrado morto em uma estrada vicinal na região de fronteira com o Paraguai. Assassinado com tiro na cabeça, ele estava com mãos e pés amarrados. Há suspeita de que o jovem tenha sido assassinado em outro local e o corpo levado até a estrada.

O caso é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã como homicídio simples.

Mais notícias