Ladrão exige R$ 50 para devolver iPhone furtado e acaba preso com documentos falsos

Tinha vários documentos com outros nomes na mochila

Na madrugada deste sábado (26), Jair de Oliveira André, de 65 anos, foi preso em flagrante após furtar o celular de uma mulher nos altos da Afonso Pena e cobrar R$ 50 para devolver o aparelho. Ele foi localizado e a polícia ainda encontrou vários documentos falsos na mochila do suspeito.

A vítima de 43 anos acionou a Polícia Militar informando que teve o iPhone furtado e tinha rastreado o aparelho, que estava na Praça Aquidauana. Equipe foi até o local onde a mulher estava e ela contou que tomava água de coco nos altos da Avenida Afonso Pena quando foi furtada.

Segundo a mulher, um homem se aproximou e começou a conversar, falando de religião e dizendo que precisava de ajuda. Em determinado momento, derrubou uma garrafa de água e quando pegou, teria furtado o celular da vítima. Ele começou a ligar para a filha da mulher, dizendo que devolveria o aparelho por R$ 50.

O suspeito ainda disse onde estava e as roupas que vestia. Ele foi preso em flagrante na praça e na mochila foram encontrados vários documentos falsos em nome de outras pessoas, até mesmo um pedido de refúgio feito na Polícia Federal, em que se apresenta como venezuelano. Ele foi encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro e responderá por furto e uso de documento falso.

Mais notícias