VÍDEO: Identificados bandidos mortos em confronto com policiais do Choque em lanchonete

Bandidos chegaram a pedir lanche e sentaram para comer no local

Foram identificados neste sábado (19) os dois s mortos em um confronto com policiais do na madrugada de sexta-feira (18), após assaltarem uma lanchonete na rua Joaquim Manoel de Souza, em frente à UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande. Os mortos foram Lucas Monteiro Tejas, vulgo Betão, 20 anos, e Geraldo Figueira Mendonça, vulgo Marreta, de 30 anos.

Eles e outros dois rapazes chegaram em um veículo Fiat Strada, entraram armados na lanchonete e pediram um lanche. Os bandidos começaram a comer, mas não tiravam o olho do caixa, o que levantou a suspeita do funcionário. Ao anunciarem o assalto, o funcionário correu e se trancou no banheiro para chamar a polícia.

VÍDEO: Identificados bandidos mortos em confronto com policiais do Choque em lanchonete
Foto: Divulgação.

Um dos s começou a chutar e tentar arrombar a porta, momento em que o funcionário saiu. No banheiro ele conseguiu acionar o 190 e não desligou a chamada. A Polícia Militar conseguiu identificar o local e seguiu até a lanchonete.

Quando perceberam que a polícia estava chegando, um deles fugiu com R$ 300 do caixa. O funcionário e outra refém conseguiram correr e se trancar no banheiro da lanchonete. Os policiais invadiram o local, momento que houve , e Lucas Monteiro morreu na lanchonete.

Os outros conseguiram fugir com mais dois carros roubados pelo bando, um Corola e uma camionete Hilux, além do carro de uma médica que estava na lanchonete, o HB20. Geraldo morreu em uma no bairro Vila Vilas Boas, durante a fuga.

Lucas Monteiro tinha passagens porte ilegal de arma de fogo, receptação, furtos e roubos a mão armada. Geraldo tinha passagens por furto, violência doméstica, tráfico de drogas, receptação e roubos a mão armada.

VÍDEO: Identificados bandidos mortos em confronto com policiais do Choque em lanchonete
Mais notícias