Funileiro é preso após ser flagrado com 15kg de pescado em Aquidauana

O homem foi detido e multado por infringir o período de piracema e da Cota Zero

Um funileiro foi preso e autuado por estar com 15kg de pescado em rede, em período de piracema e acima da Cota Zero. O homem foi flagrado durante a Operação Piracema, realizada pela Polícia Militar Ambiental de Aquidauana, a 121 quilômetros de Campo Grande, na madrugada desta sexta-feira (15).

A equipe da PMA recebeu uma denúncia sobre um morador que carregava pescados numa motocicleta. O funileiro foi encontrado enquanto seguia para o centro da cidade em uma Honda Fan 125. Com ele foi encontrada uma sacola com vários peixes de espécies diferentes.

Um pintado de 9kg, um chacara de 6kg e cinco piranhas. Segundo os policiais, os peixes estavam com sinais de que haviam sido capturados com rede de pesca, que é uma ferramenta proibida durante o período de piracema. Além disto, os peixes estavam acima do peso permitido pelo decreto de Cota Zero, que determina uma cota de 5 kg de pescado para ser levado pelo pescadores não-profissionais.

Segundo a PMA, o funileiro afirmou que havia comprado os peixes de um desconhecido em uma região da cidade conhecida como Ilha do Pescador. Ele foi preso e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, junto com o material apreendido.

O homem foi autuado em flagrante por crime ambiental de transporte de produto da pesca predatória,  multado em R$ 1.300,00 e poderá ficar detido de um à três anos, pena prevista para o crime cometido.

 

Mais notícias