Funcionário é suspeito de desviar R$ 12 mil de casa de carnes

Ele pegava o dinheiro dos clientes e depois cancelava a venda no sistema

A Polícia Civil de Aquidauana investiga um homem de 28 anos pelo suposto desvio de aproximadamente R$ 12 mil da casa de carnes em que ele trabalha. A suspeita é de que viesse agindo há pelo menos 40 dias. O patrão, de 35 anos, descobriu o esquema após checar a contabilidade e imagens da câmera de segurança da empresa.

Conforme apurado, a vítima desconfiou da quebra de caixa e passou a analisar os relatórios de venda, quando descobriu o sumiço de dinheiro. Desconfiado de que o próprio funcionário poderia estar por trás disso, o comerciante vistoriou os registros do circuito de segurança e confirmou a o furto.

Para legitimar as ações, o suspeito fazia a venda, pegava o dinheiro do cliente em seguida cancelava a venda no sistema de gestão do estabelecimento e desviada o dinheiro. Como o movimento de caixa era grande, aproveitava para agir em compras de menor valor, sem levantar suspeitas. O rapaz responde pelo crime de furto qualificado mediante abuso de confiança.

Mais notícias