Fogo em lixo teria motivado assassinato de pai e filho no Caiobá

Uma das vítimas foi morta com tiro na testa

O fogo em um amontado de lixo, no Portal Caiobá, em Campo Grande, seria o motivo para o assassinato de pai e filho, neste domingo (10). Bruno Pierre Figueiredo de 22 anos, e Carlos Mendes Figueiredo de 42 anos foram mortos com 7 tiros.

Pai e filho acompanhados de familiares teriam ido até um terreno, com uma casa em construção para limpar o local, sendo que colocaram fogo em um amontado de lixo. Próximo ao terreno havia quitinetes, sendo que quatro homens que moravam no local saíram com a fumaça.

Eles abordaram Bruno e Carlos iniciando uma discussão por causa do fogo, sendo que em dado momento um dos homens identificado como Angelo, que estava com um revólver efetuou vários disparos contra pai e filho.

Carlos foi atingido por quatro disparos sendo um no pescoço, clavícula, costas e um tiro na testa. Antes do tiro na testa de Carlos, o homem teria dito “Você ainda não morreu”, dando um tiro de ‘confere’.

Já Bruno foi assassinado com três tiros, sendo dois na coxa e um no pescoço. Em seguida, os autores fugiram ficando no local apenas um deles. 11 munições intactas foram encontradas no local.

Não se sabe se os três fugitivos foram encontrados pela polícia.

 

 

 

 

Mais notícias