Falso motorista de aplicativo mente sobre assalto, empurra policias e acaba preso

Na verdade, ele penhorou carro em boca de fumo e não tinha dinheiro para retirá-lo de lá

Um rapaz foi detido no início da manhã deste domingo (8), após empurrar policiais civis na Depac Centro (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), em Campo Grande. Conforme a equipe policial, o jovem afirmou ser motorista de aplicativos e sofreu uma tentativa de assalto.

Marreta usada para quebrar vidros ficou no carro (Mariana Rodrigues, Midiamax)

Ao ser questionado pela equipe sobre a ocorrência, o jovem afirmou ter aceitado uma corrida na Vila Nhá-Nhá. Ele contou que o passageiro entrou no carro e anunciou um assalto. Os vidros laterais e traseiro do veículo foram quebrados pelo suposto assaltante, mas a história relatada não convenceu os policiais. Em determinado momento o jovem jogou as chaves do Toyota Etios no chão, empurrou os investigadores e correu em direção à Rua Marechal Rondon, quando foi detido por uma equipe da PM que passava pelo local.

De volta à delegacia, ele contou que na verdade havia penhorado seu carro em uma boca de fumo e não tinha dinheiro para recuperá-lo, quando resolveu retirá-lo de lá. Os traficantes deram marretadas, pedradas, quebraram os vidros do veículo e iniciaram uma perseguição.

O rapaz contou que eles até passaram em frente à Depac, mas como havia contado uma mentira, os policiais não conseguiram prender os traficantes. Ele foi detido por desacato e permanece na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário.

Mais notícias