Exploração e armazenamento de madeira fazem paulistano ser autuado em R$ 6 mil

Um paulistano residente em Araçatuba, São Paulo, mas que tinha uma fazenda em Camapuã – cidade distante a 145 quilômetros de Campo Grande – foi autuado em R$ 6 mil pela (Polícia Militar Ambiental) de São Gabriel do Oeste por armazenar madeira de forma irregular sem a documentação correta.

Foram encontrados cerca 19,2 m³ de madeira em toras, estacas, palanques e poste para cerca das espécies angico, vinhático e baru na fazenda. Os produtos não estavam com autorização ambiental.

Policiais também averiguaram se houve derrubadas de árvores próximo ao local, mas não foram encontrados qualquer vestígio. A madeira encontrada no local foi apreendida. O homem responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.

Exploração e armazenamento de madeira fazem paulistano ser autuado em R$ 6 mil
Mais notícias