Em depoimento, suspeito nega ter tentado estuprar criança de 7 anos

Suspeito foi preso pela Polícia Militar, horas depois da tentativa de estupro

Durante depoimento na Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), o suspeito de tentar estuprar uma criança de sete anos, negou as acusações e afirmou que estava embriagado no momento que entrou na residência do Indubrasil, em Campo Grande.

O suspeito foi preso nesta terça-feira (14) pela Polícia Militar, horas depois da tentativa de estupro. Ele foi ouvido na delegacia especializada, que segue investigando o caso.

Conforme as informações da PM, o homem seria colega de trabalho da mãe da menina e tinha acesso a casa. Quando foi ao local, notou que não havia adultos e entrou na residência, onde encontrou a filha da colega, uma criança de sete anos. Ele levou ela para o quarto e quando tirava a roupa da vítima, o irmão dela chegou no quarto. Ele teria questionado “o que está fazendo com minha irmã?” e gritou pela mãe, quando o suspeito correu.

A Polícia Militar foi acionada e encaminhou a família para a Depca, onde o caso foi registrado e a criança ouvida. A PM continuou buscas nesta terça-feira (14) ao suspeito e conseguiu localizá-lo no bairro Nova Campo Grande.

Mais notícias