Dupla de traficantes é presa vendendo ecstasy, LSD, maconha e cocaína pelo Whatsapp

Polícia chegou até a dupla após denúncia anônima

Dois jovens de 19 e 21 anos foram presos pela Polícia Militar, na noite dessa sexta-feira (24), em Campo Grande após denúncia anônima de que comercializavam drogas na Avenida Senador Antônio Mendes Canale. As negociações para compra da droga eram feitas através do aplicativo Whatsapp.

Conforme informações do boletim de ocorrência, a polícia chegou até a dupla após denúncia anônima que informava as características dos autores. Chegando ao local os militares abordaram a dupla e encontram diversos comprimidos de ecstasy, alguns envelopes cocaína, alguns envelopes de maconha e envelopes de LSD todos contidos dentro de uma bolsa camuflada.

A bolsa camuflada foi dispensada por um dos autores na hora da ação policial, a PM não soube precisar qual dos dois a dispensou. O autor de 19 anos quebrou seu aparelho celular alegando que teria feito isso para dificultar o acesso dos policiais ao conteúdo do aparelho.

Uma testemunha que estava no local contou aos policiais, que havia feito contato com o autor de 19 anos, teria negociado com o mesmo via aplicativo WhatsApp a compra de uma porção de maconha.

Diante dos fatos e alagações dos autores a PM diligenciou até a residência de ambos, onde foi encontrado no guarda roupa uma porção de substancia análoga a maconha com aproximadamente 100 gramas e na residência do autor de 19 anos foi localizado uma porção de maconha de aproximadamente 10 gramas.

Mais notícias