Um a facada e outro atropelado: tentativa de execução dá errado e deixa um morto em MS

A dupla estava armada com facas quando invadiu a residência

Lucinei Eleutério, de 36 anos, morreu na noite de sábado (30) em Novo Horizonte do Sul, a 320 quilômetros de Campo Grande. Ele e o comparsa Ovídio Martins, de 50 anos teriam invadido uma casa com a intenção de assassinarem um homem de 44 anos, sendo que Lucinei acabou morto com a própria faca e Ovídio sofreu um grave acidente, durante perseguição.

Segundo a polícia, morador estava na frente de casa quando a dupla chegou em uma motocicleta e perguntou se o outro homem que morava ali estava na residência. Ele confirmou, quando os suspeitos invadiram o imóvel com facas em mãos, dizendo que a vítima “iria pular”.

O morador entrou na casa com a dupla e viu Lucinei e Ovídio tentando esfaquear a vítima. Ele conseguiu defender o amigo e tomou a faca das mãos de Lucinei, que foi atingido duas vezes, caindo no chão. A vítima da tentativa de homicídio fugiu correndo e Ovídio pegou a motocicleta para perseguir o homem.

Durante a perseguição, Ovídio sofreu acidente envolvendo um carro após invadir a contramão. Consta no registro policial que ele ficou inconsciente e caído na rua, onde foi encontrada também a faca usada por ele. Ovídio e Lucinei foram levados ao hospital, mas Lucinei não resistiu.

Ovídio ficou em estado grave no hospital. O caso é investigado pela polícia e tratado como homicídio simples, tentativa de homicídio e acidente com vítima de lesão corporal provocado pela própria vítima.

*Matéria editada às 9h10 para correção de informações

Um a facada e outro atropelado: tentativa de execução dá errado e deixa um morto em MS
Mais notícias