Desacordo comercial seria motivo para atentado contra jovem com dois tiros

Vítima morou na casa de autor

O atentado contra o jovem Leonardo Nunes dos Santos, de 26 anos, em Dourados – a 225 quilômetros de Campo Grande – na noite desta segunda-feira (22) seria motivado por um desacordo comercial entre a vítima e o autor.

Leonardo mesmo ferido contou que já teria morado um período na casa do autor de nome Ailton, e que por causa do desacordo comercial teria sido ferido a tiros. Ailton estava acompanhado de outro homem, quando chegaram à casa de Leonardo, em um Chevrolet Corsa.

O comparsa de Ailton segurou Leonardo enquanto os disparos eram feitos. Os tiros atingiram a região torácica da vítima, quer foi socorrida e levada para o hospital. Não há informações se os autores foram encontrados pela polícia.

Mais notícias