Comparsa de traficante que morreu em acidente tentou fugir a pé pela rodovia

Ele foi preso caminhando pela estrada e confessou o crime

Após Marcos Leandro de Freitas, de 42 anos, morrer em acidente quando fugia da polícia na Rodovia BR-463 na noite de quarta-feira (6), o comparsa de 26 anos foi preso andando na estrada. Os dois transportavam droga no carro e o acidente aconteceu na região de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande.

A equipe da PRF tentou fazer abordagem ao Jetta, placas de Brasília (DF), mas o motorista não respeitou a ordem de parada e iniciou fuga em alta velocidade. Os policiais fizeram acompanhamento tático, mas o veículo se afastou da viatura. Em seguida os agentes receberam informação sobre o acidente e foram até o local.

Droga foi apreendida (Foto: PRF)

Os policiais encontraram o Jetta capotado, fora da rodovia, com vários tabletes de maconha esparramados. Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o motorista de 42 anos não resistiu aos ferimentos. Perícia e Polícia Civil de Ponta Porã também foram até o local e foi constatado que as placas do Jetta eram adulteradas e o carro era roubado.

A equipe da PRF fez rondas pela região e encontrou o rapaz de 26 anos caminhando pela rodovia, perto do local do acidente. Ele confessou que estava no carro com Marcos e disse que saiu ileso porque usava cinto de segurança. Ele ainda revelou que receberia R$ 2 mil para levar a droga de Pedro Juan Caballero até Dourados e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil.

Mais notícias