Com passagem pela Polícia Federal, homem é preso com van clonada e 380 no Los Angeles

Homem alegou estar guardando carro para ‘Paulista’

Celso Pereira Damasceno, de 48 anos, foi preso nesta quinta-feira (15) e apresentado pela Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) por guardar no Bairro Los Angeles um veículo com registro de roubo. Com passagem pela Polícia Federal e prisão por tráfico de 800 quilos de maconha, ele também portava uma arma 380 e oito munições, que seriam para ele ‘se proteger dos inimigos’, segundo relatou.

O delegado Hoffman D’Ávila explicou que uma denúncia anônima levou os policiais à casa de Celso. Ele foi abordado e apresentou uma CRLV falsa, com dados adulterados de um veículo que de fato estava em circulação de Campo Grande, mas que seria clonado.

A van encontrada no local teria sido roubada em Valparaíso, Goiás. Celso explicou aos policiais que o veículo não era dele, mas sim de ‘Paulista’, um amigo de São Paulo, a quem devia um favor.

Por isso, teria precisado guardar o veículo por uma semana. Sobre a arma, ele relatou que seria apenas para se proteger, mas que não teria a intenção de atirar em ninguém.

Mais notícias