Chácara na fronteira era depósito de 1,3 tonelada de maconha e armamentos

Dois homens, de 48 e 62 anos, foram presos

 DOF (Departamento de Operações de Fronteira) desmontou depósito de armas e drogas que funcionava em chácara localizada na zona rural de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande. No local foram apreendidas 1,3 tonelada de maconha, além de uma espingarda e várias munições.

A ação foi realizada no âmbito da Operação Hórus, deflagrada pelas forças de segurança de Mato Grosso do Sul na região de fronteira. Durante policiamento, a equipe abordou um idoso de 62 anos que demonstrou certo nervosismo, levantando suspeita dos policiais, que perguntaram onde ele morava.

O suspeito informou que vivia em uma chácara na região e que os policiais poderiam fazer uma busca no local. A equipe foi para o imóvel e, ao se aproximarem, perceberam que um homem de 48 anos armado correu para dentro da casa ao perceber a aproximação policial. Ele foi entrevistado e disse que cuidava do local para o idoso que estava no Gol.

Lá foram encontradas, além da espingarda várias munições sendo: sete de calibre .380; seis de calibre 12; 45 de calibre .22; uma de calibre 7,62; e, uma de calibre 9mm. O idoso disse que alugou a chácara para guardar o entorpecente. Em um cômodo da edificação de madeira ao lado da casa, os policiais localizaram vários sacos com volumes prensados da droga e um porão, com mais sacos do entorpecente. 

Um caminhão que seria utilizado para o transporte do entorpecente também foi apreendido. A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã.

Mais notícias