Carro de traficantes mortos após confronto com a PRF carregava 840 kg de maconha

Traficantes atiraram em policiais para tentar fugir em abordagem

A maconha que estava escondida em um veículo Honda Civic apreendido pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) pesou 840 quilos. O carro era ocupado por dois homens, que morreram em confronto com os policiais rodoviários federais, na noite desta sexta-feira (29).

Conforme a PRF, a equipe deu ordem de parada ao Civic, com placas de Nova Alvorada do Sul, que trafegava pelo km-734 da BR 163, em Coxim, a 253 quilômetros de Campo Grande. O condutor não obedeceu, arremessando o veículo para cima de um policial.

Na tentativa de fuga, o condutor e passageiro fizeram disparos com uma arma de fogo em direção a equipe, que revidou. Os suspeitos foram atingidos pelos tiros. Eles foram encaminhados para um hospital de Coxim, sendo que morreram na unidade de saúde.

No Honda Civic foram encontrados e apreendidos 840 quilos de maconha, duas carabinas cal .12, um revólver cal .38, uma faca e munições.

O condutor, no trajeto até o hospital, confessou que havia um outro veículo, um Volkswagen Gol com placas de Cuiabá (MT), realizando o serviço de batedor. A PRF conseguiu abordar esse veículo, que era conduzido por um homem de 29 anos e tinha um casal de passageiros, um homem de 42 e uma mulher de 34 anos.

Em vistoria, foram localizados no Gol, os documentos do Honda Civic e um revólver cal .38, municiado. Na bolsa da passageira foram encontradas três caixas de munição cal .22, com 50 munições em cada caixa. O passageiro disse que recebeu R$ 3 mil para realizar o serviço de batedor.

Foi constatado ainda que o veículo Honda Civic era fruto de roubo/furto, sendo as placas originais de Rio Verde (GO). Os ocupantes do VW Gol foram presos e encaminhados para a Polícia Civil de Coxim.

Mais notícias