Batedor contratado por R$ 15 mil ‘falha’ e acaba preso com comparsa

Carga de droga e os veículos foram apreendidos

Dois rapazes, de 21 e 26 anos, foram presos em flagrante por tráfico de drogas na noite de terça-feira (5) na região de Amambai, a 352 quilômetros de Campo Grande. Cada suspeito estava em um carro, sendo que o de 21 fazia o trabalho de batedor, enquanto o de 26 transportava a droga.

Policiais militares faziam patrulhamento na região de saída para Coronal Sapucaia, quando abordaram Igor José de 21 anos, que conduzia um Palio prata com placas de Mococa (SP). O rapaz disse que ia para São Paulo visitar familiares, mas demonstrou nervosismo durante a abordagem.

Em seguida Gabriel Belchol, de 26 anos, passou no Fiat Siena prata com placas de Campo Grande (MS) e também foi abordado. O carro estava carregado com vários tabletes de maconha e Igor acabou confessando que fazia serviço de batedor, pelo qual receberia R$ 15 mil. O serviço trata de avisar o motorista do carro carregado com a droga sobre presença policial na estrada.

Já Gabriel disse que receberia R$ 90 por tablete de maconha transportado. O entorpecente seria entregue em Mococa (SP) e nos veículos foram encontrados rádios transmissores. Advogado dos suspeitos acompanhou a prisão e o caso foi registrado na delegacia do município como tráfico de drogas, receptação e associação para o tráfico.

 

Mais notícias